A cor mais bela é a transparência

Vivemos em um mundo de aparência.

Gerson, você não está generalizando? Sim! Acreditando que há, de fato, pessoas que sejam transparentes, mas essas, a meu ver, são aquelas que saem da curva.

Vivemos em um mundo de aparência, onde as pessoas vestem máscaras ou vivem papeis. Falta transparência, autenticidade, verdade. O mundo e as pessoas parecem mais viver uma ilusão ou fazem do mundo um conto de fantasias. Falta verdade nas pessoas. Falta assumirem seus erros, suas culpas, suas crenças, suas ideologias, seus ideais, etc.

Por que a opinião do outro parece ser tão importante?

Por que nos importamos tanto com as aparências?

Por que, de repente, as coisas ou status se tornaram mais importantes que pessoas?

Acontece que viver de aparência exige que vistamos máscaras, máscaras que ocultam nossa verdadeira face, nosso verdadeiro ‘eu’. Mundo de aparência, mundo de falsidades, mundo de incoerências e hipocrisia.

Posso estar tendo uma visão muito pessimista, mas ver uma pessoa íntegra, coerente, verdadeira, justa, honesta é algo que chama a nossa atenção, quando deveria ser o contrário – o que deveria chamar a nossa atenção seria o desonesto, o injusto, o falso, o traíra…

De certa forma, ser verdadeiro hoje requer coragem, uma coragem audaciosa que faz aquele que assim vive, ir contra a maré.

Estou cansado de viver num mundo de aparências. Vamos deixar as máscaras caírem. Temos coragem para isso? Coragem (agir com o coração) de sermos quem realmente somos? De viver segundo o nosso coração e não segundo a opinião dos outros? Temos coragem de assumirmos nosso verdadeiro eu frente a um mundo que quer ser ‘politicamente correto’?

Sabe aquela pessoa que você não gosta? Seja educado, mas não falso.

Sabe aquela pessoa que você ama? Seja honesto, carinhoso e fiel.

Sabe aquele emprego que não te traz realização? Procure outro.

Sabe aqueles sonhos que você sufocou e se perderam no nada? Corra atrás deles.

Sabe aquela viagem importante que você considera? Faça.

Sabe aquela desculpa de que não tem tempo ou vontade? Acredite em você e se programe.

Sabe aquela pessoa que te inspira? Use a inspiração, não a pessoa como modelo.

Seja você. Afinal, você só é você se você for você. Mas você tem sido você ou outro alguém? Tem-se permitido ser você ou deixado que os outros ditem a escrita da sua vida?

Seja a diferença. Faça a diferença. O mundo está repleto de iguais.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s